Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Palavras chave

Últimos assuntos
» POR QUE AS PESSOAS ABANDONAM A “IGREJA”
Ter Jan 20, 2015 1:28 pm por Jardim Regado

» Para que são os "sinais"?
Seg Out 27, 2014 8:03 pm por Jardim Regado

» Fórum - Transformando "igrejados" em "desigrejados"
Seg Jul 28, 2014 5:29 pm por rasabino

» O Evangelho Vive #25
Qua Jun 11, 2014 5:00 pm por Jardim Regado

» Desabafo 3
Sex Maio 16, 2014 7:48 pm por rasabino

» Desabafo 2
Sex Maio 16, 2014 7:47 pm por rasabino

» Desabafo 1
Sex Maio 16, 2014 7:46 pm por rasabino

» O Evangelho Vive #24
Ter Abr 22, 2014 9:10 pm por rasabino

» O Evangelho Vive #23
Ter Abr 22, 2014 4:41 pm por rasabino

Novembro 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
  12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930   

Calendário Calendário

Parceiros
Fórum grátis


A Cruz de Cristo sob o Prisma da Graça

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A Cruz de Cristo sob o Prisma da Graça

Mensagem por Jardim Regado em Qua Set 11, 2013 6:50 am

Texto: João 3.16                      

Tema: A Cruz de Cristo sob o Prisma da Graça

Introdução:

1. Historicamente a Cruz era reservada para os piores homens da sociedade;
2. A Cruz era o meio mais perverso de punição pelo império Romano;
3. Cristo foi crucificado pela intriga dos principais sacerdotes para que se cumpra a lei;
4. No século terceiro Constantino proíbe a crucificação;

5. A cruz de Cristo foi gerada na eternidade;
6. A cruz de Cristo está firmada no pacto de amor entre o Pai e o Filho, desde a eternidade;
7. A cruz de Cristo se destina a um, que justifica a todos;
8. A cruz de Cristo vivifica os que estavam mortos.

Transição:

Acaso você tem consciência do que é a Cruz de Cristo?

1. O Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo foi sacrificado antes de tudo. (Jo. 3.16 A - Porque Deus amou o mundo de tal maneira...)

1.1. O Cordeiro foi sacrificado porque Deus nos amou; (1 Jo. 4.8-9)
1.2. Antes de toda criação, Deus bradou pela Cruz e houve Cruz; (Heb. 9.26; 2 Pe. 3.5; Ap. 13.8 )
1.3. Pela Cruz eterna toda carne é justificada sem as obras da lei; (Gl. 2.16; 3.10-11)
1.4. A Cruz não é um remendo de Deus na história, mas o seu amor para justificar os culpados pela queda; (Rm. 11:32; Tt. 2.11; 1 Cor. 15.22)
1.5. Um se fez maldito uma única vez por todos os culpados; (Heb. 10.12, 13 e 26)
1.6. Pela Cruz fomos eleitos em Cristo antes da fundação de todas as fundações. (Jo. 17.24; Ef. 1.4; 1 Pe. 1.20)

2. O Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo morreu a nossa morte, gratuitamente. (Jo. 3.16 B ...que deu o seu único filho...)

2.1. Deus sacrificou o unigênito e nos deu vida quando ainda estávamos mortos em delitos e pecados; (Rm. 5.8 )
2.2. Deus não poupou o seu próprio filho, antes o sacrificou por nós; (Rm. 8.32)
2.3. Na morte do Cordeiro na Cruz, Deus cumpre em Cristo toda a lei para que vivamos pela graça; (Gl. 3.13; Col. 2.14)
2.4. Na morte do unigênito, a graça nos basta, pela fé; (2 Cor. 12.9)
2.5. No unigênito que foi morto e ressuscitado em poder, herdamos a vida. (Jo. 10.10; 1 Cor. 15.22; 2 Cor. 5.15)

3. O Cordeiro de Deus nos elegeu para que creiamos na obra consumada na Cruz. (Jo. 3.16 C  ...para que todo aquele que nele crê...)

3.1. A morte do Cordeiro concede vida para todo aquele que Nele Crê; (Rm. 3.24; Ef. 2.8 )
3.2. Pela fé herdarmos a vida sem que haja em nós justiça própria; (Gl. 2.15; Rm. 1.17; 3.24)
3.3. A fé na obra da Cruz é a certeza de que é somente pela graça que houve Cruz; (Filip. 2.8; Col. 1.20; 2.14)
3.4. Pela fé em Cristo estamos selados na comunhão com Deus. (Ef. 1.13; 4.30)

4. O Cordeiro de Deus foi morto para que todo aquele que Nele crê viva. (Jo. 3.16 D  ...não pereça, mas tenha a vida eterna...)

4.1. Não há quem busque a Deus; (Rm. 3.11)
4.2. Todos estavam destituídos da sua glória; (Rm. 3.23)
4.3. Mas Deus encerrou todos no pecado para também usar de misericórdia com todos; (Rm. 11.32; Tt. 2.11)
4.4. A graça de Deus matou o Cordeiro na cruz para que todos creiam, e vivam. (Rm. 5.1; Rm. 9.30; Ef. 4.13; Heb. 12.2)

Conclusão:

Não há vida em Deus sem fé na obra consumada pela graça, na Cruz. Desta forma, todo aquele que crê, creia na graça de Deus, em quem estamos selados para a eternidade, sem as obras da lei. Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro. Cristo foi crucificado e morto, e nós, pela graça, por meio da fé, vivemos por meio Dele, e por Ele, e para Ele, gratuitamente.

Você crê que está justificado no Cordeiro morto na Cruz desde a eternidade, sem as obras da lei?


Servo Reginaldo Xavier
avatar
Jardim Regado

Mensagens : 223
Data de inscrição : 17/03/2013
Idade : 46
Localização : Belo Horizonte

Ver perfil do usuário http://janetecardoso.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Cruz de Cristo sob o Prisma da Graça

Mensagem por rasabino em Qui Set 26, 2013 8:15 am

Com efeito a "cruz" do NT ou "madeiro" no AT trazem a mesma simbologia, qual seja um mecanismo de execução. Não é o homem quem mata mas o mecanismo de execução, tirando das mãos do carrasco a responsabilidade pelo homicídio.

Assim, se alguém sobrevivesse ao mecanismo de execução seria considerado inocente das acusações.

No caso de Jesus ele foi considerado culpado porque se colocou no lugar do pecador. Não foi poupado da morte porque assumiu para Si a culpa pelos pecados, porém sua obra redentora estava prevista em Lei:

Porque a vida da carne está no sangue; pelo que vo-lo tenho dado sobre o altar, para fazer expiação pelas vossas almas; porquanto é o sangue que fará expiação pela alma. Levítico 17:11

Temos um altar, de que não têm direito de comer os que servem ao tabernáculo. Porque os corpos dos animais, cujo sangue é, pelo pecado, trazido pelo sumo sacerdote para o santuário, são queimados fora do arraial. E por isso também Jesus, para santificar o povo pelo seu próprio sangue, padeceu fora da porta. Saiamos, pois, a ele fora do arraial, levando o seu vitupério. Hebreus 13:10-13

"Sair para fora" fala de deixar para trás os sacrifícios que não podem mais aperfeiçoar aquele que oferece a oferta. "Sair para fora" fala da Igreja (tirados para fora) que não olha mais para aquilo que é temporal e transitório, mas através de uma consciência aperfeiçoada encontra no Cristo a Graça suficiente para a purificação dos pecados e redenção do corpo.

"Sair para fora" fala de um povo disposto a confiar em apenas um sacrifício, e não faz mais nenhum sacrifício pessoal, nem "paga mais nenhum preço", afim de glorificar AQUELE que fez tudo por todos.

"Sair para fora" fala de virar as costas para aquilo (sistema) que não representa uma relação verdadeira entre Deus e nós:

Porque todas as nações beberam do vinho da ira da sua fornicação, e os reis da terra fornicaram com ela; e os mercadores da terra se enriqueceram com a abundância de suas delícias. E ouvi outra voz do céu, que dizia: Sai dela, povo meu, para que não sejas participante dos seus pecados, e para que não incorras nas suas pragas. Porque já os seus pecados se acumularam até ao céu, e Deus se lembrou das iniqüidades dela. Tornai-lhe a dar como ela vos tem dado, e retribuí-lhe em dobro conforme as suas obras; no cálice em que vos deu de beber, dai-lhe a ela em dobro.Quanto ela se glorificou, e em delícias esteve, foi-lhe outro tanto de tormento e pranto; porque diz em seu coração: Estou assentada como rainha, e não sou viúva, e não verei o pranto.
Apocalipse 18:3-7

_________________
No amor,

Roberto A. Sabino
Blog O Evangelho Vive
rasabino@yahoo.com.br
(044)9805-7891
avatar
rasabino

Mensagens : 215
Data de inscrição : 18/03/2013

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum